Como funciona o agendamento no INSS por telefone

Confira as instruções e saiba o que é necessário para fazer agendamento INSS telefone

O Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) possui postos em todo o país e os seus usuários têm um telefone único para fazer os seus agendamentos: o 135 do INSS.

Com esse método, o órgão faz com que o seu atendimento seja otimizado, aumentando-se a organização nos processos e diminuindo o estresse dos servidores e dos cidadãos por causa da lotação que ocorria todos os dias há alguns anos.

Caso você esteja interessado em algum serviço da previdência social, aprenda aqui como funciona o agendamento no INSS por telefone.


Serviços do INSS que podem ser agendados por telefone

Como funciona o agendamento no INSS por telefone

O agendamento no INSS por telefone é oferecido a quem deseja qualquer um dos seus serviços, como:

LOAS BPC

O Benefício da Prestação Continuada, conhecido como LOAS, corresponde a um salário mínimo e é pago a pessoas que têm deficiências mentais e físicas e também a idosos sem a condição de se sustentar, inclusive porque não têm direito à aposentadoria.

Salário maternidade

É um benefício que pode ser pedido a mulheres que sofreram abortos espontâneos ou precisaram fazê-lo por causas médicas, a mulheres que deram a luz e àquelas que receberam a tutela legal de um menor.

Aposentadorias

Todos os tipos de aposentadorias podem ser agendadas no INSS pelo telefone.

Auxílio doença

É o benefício oferecido a pessoas que não podem trabalhar temporariamente em decorrência da sua condição de saúde.

Isso pode significar que essa pessoa sofreu um acidente, passou por uma cirurgia ou está fazendo tratamento de alguma condição temporariamente incapacitante.

Auxílio reclusão

É recebido por quem depende financeiramente de pessoas que estão presas, mas apenas se esse detento em questão era contribuinte da previdência social.


Passo a passo para fazer o agendamento no INSS por telefone

O agendamento no INSS por telefone serve para todos os postos da previdência pelo país e funciona de segunda a sexta.

O contribuinte deve ligar entre as 7h e as 22h, tendo em mãos o seu CPF e o protocolo de agendamento anterior, se necessário.

O número é o 135 e é possível ligar de telefones fixos (privados ou públicos) e de telefones móveis, lembrando que o agendamento telefônico é gratuito.

Para agendar o atendimento, é preciso seguir as orientações abaixo:

  • O cidadão liga para o número 135;
  • Especifica que tipo de atendimento quer solicitar;
  • Informa os seus dados;
  • Escolhe o posto da previdência mais próximo e o dia de atendimento;
  • Anota o protocolo que será gerado

Documentos para fazer o agendamento no INSS por telefone

O agendamento no INSS por telefone exige alguns documentos básicos, como a data de nascimento e o CPF; se a pessoa estiver reagendando algo, é bem possível que seja solicitado o seu número de protocolo.

Porém, outras documentações são dispensáveis nessa ocasião, o que não quer dizer que o INSS não precisará delas posteriormente.

No atendimento presencial, que sucede o agendamento telefônico, pode ser preciso:

  • Carteira de Trabalho e Previdência Social;
  • Exames médicos e laudos;
  • Carnês de contribuição do INSS;
  • Certidão de casamento ou reconhecimento de união estável;
  • Documento oficial de identidade com foto;
  • Comprovante de renda atualizada e outros

Nem todo cidadão que é atendido pela previdência social precisa mostrar exame médico, por exemplo: na realidade, os documentos exatos são estabelecidos de acordo com o que a pessoa está requisitando do INSS.


É necessário ter procuração para fazer agendamento no INSS por telefone?

Muitos contribuintes necessitam de um procurador legal para o atendimento na previdência social porque não têm meios de se locomover ou possuem alguma debilidade mental.

Caso o cidadão tenha essas dificuldades, ele deve preparar uma procuração legal para que a pessoa que ele escolher possa representa-lo frente ao INSS.

Os procuradores também podem fazer o agendamento no INSS por telefone e é importante estar com a procuração em mãos para a eventualidade de algum dado ser pedido.

Uma parte dos contribuintes acredita que, por ser telefone, não faz diferença que o agendamento seja realizado por um procurador legal ou não, mas o ideal é que ele seja.

Como funciona o agendamento no INSS por telefone


Como prorrogar ou cancelar um agendamento no INSS

O agendamento no INSS por telefone também pode ser alterado, sofrendo prorrogação ou cancelamento.

O contribuinte deve ligar novamente para o 135 e prorrogar ou cancelar o seu atendimento no INSS nas seguintes situações:

  • Havendo documentação pendente ou dúvidas sobre ela;
  • Impossibilidade de comparecer por força maior;
  • Impossibilidade de comparecimento por parte do procurador legal;
  • Impossibilidade de comparecimento por parte do acompanhante da perícia, inclusive quando é um médico de confiança do contribuinte.

O cancelamento ou prorrogação pelo telefone da previdência social pode ser realizado até por quem agendou via site.

O cidadão que acessou o Meu INSS para marcar o seu atendimento não é obrigado a usar a mesma plataforma para cancelá-lo ou prorroga-lo.

Contudo, é importante sempre lembrar que esse tipo de coisa não é feita presencialmente: deve-se ir ao posto do INSS só com um agendamento válido.

Como funciona o agendamento no INSS por telefone
5 (100%) 1 voto