Como agendar seguro desemprego para RJ

Confira o passo a passo e saiba como agendar seguro desemprego RJ; veja também quais são os documentos necessários para dar entrada no benefício

Pessoas que são dispensadas dos seus empregos sem justa causa podem receber uma assistência do governo federal chamada seguro desemprego.

Inicialmente administrado pelo Ministério do Trabalho e Emprego, ele pode ser incluído nos direitos trabalhistas e tem valores diversos, sendo baseada nas últimas remunerações recebidas.

Todavia, existem certas informações importantes para quem está pensando em solicitar esse benefício e, neste texto, todas elas serão explicadas: quais as condições para receber seguro desemprego, onde dar entrada e muito mais.


Quando os trabalhadores do Rio de Janeiro podem dar entrada no seguro desemprego?

O profissional precisa ter atenção sobre quanto tempo tem de registro em carteira:

  • Quem precisa do seguro desemprego pela primeira vez é obrigado a ter um ano de registro ou mais (com base nos 18 meses anteriores);
  • Quem precisa do seguro desemprego pela segunda vez é obrigado a ter nove meses de registro ou mais (com base no ano anterior);
  • Quem precisa do seguro desemprego a partir da terceira vez é obrigado a ter seis meses de registro ou mais (também com base no ano anterior).

Outras pessoas que também podem ser contempladas com o seguro desemprego no Rio de Janeiro são:

  • Pescadores com registro que trabalham em locais que têm época de defeso;
  • Profissionais domésticos registrados;
  • Pessoas que foram resgatadas de condições parecidas com a escravidão;
  • Pessoas que têm de se afastar do emprego para fazer profissionalização. Porém, o benefício só é concedido se essa especialização foi oferecida pela empresa.

Como agendar seguro desemprego para RJ


Quem não tem direito a receber seguro desemprego?

Pessoas que tenham qualquer outra fonte de renda não podem ser beneficiadas com o seguro desemprego. Sendo assim, ele não é concedido para:

  • Quem tem é aposentado;
  • Quem tem algum negócio formal;
  • Quem é sócio de uma empresa;
  • Quem comprou ações ou outros investimentos e pode resgatá-los.

Qualquer trabalhador que receba o seguro desemprego em uma das condições acima poderá ter de devolvê-lo, no caso de o governo federal descobrir.

Além disso, é possível ocorrer um processo por fraude.


Qual é o valor do seguro desemprego no Rio de Janeiro?

Para uma pessoa saber quanto receberá como seguro desemprego, é só ela analisar de quanto tem sido os seus últimos salários:

  • Se a média for mais baixa que R$ 1.531,02, o trabalhador só tem de multiplicar a quantia por 0,8;
  • Já para os profissionais cuja média de salário está entre R$ 1.531,03 e R$ 2.551,96, é preciso estabelecer quanto passa do primeiro valor e somar metade dele e R$ 1.224,82;
  • No caso de a média dos últimos salários ultrapassar R$ 2.551,96, o trabalhador terá direito a R$ 1.735,29.

O tempo pelo qual o cidadão receberá o seguro desemprego no RJ é menos difícil de prever: muitas vezes, o pagamento não é sequencial, ou seja, mesmo que a pessoa tenha direito a cinco meses, ela pode receber o benefício por mais tempo.


Como fazer agendamento de seguro desemprego para RJ?

O pedido de seguro desemprego é gratuito e deve ser feito na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (STRE) ou no posto do Sistema Nacional de Emprego (SINE).

É o próprio trabalhador quem deve pedir o benefício presencialmente, destacando-se que um agendamento costuma ser necessário.

Para agendar, o cidadão tem de comparecer à unidade da SRTE ou do SINE mais próximo, com os originais e cópias abaixo:

  • Número do PIS/PASEP;
  • Levantamentos de depósito do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS);
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) – é preciso levar as carteiras que mostram os registros do último ano e meio ou somente do último ano;
  • CPF;
  • Comunicação de Dispensa ou Requerimento de Seguro Desemprego;
  • Documento de identificação com foto;
  • Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho – é obrigatório que um dos códigos a seguir estejam assinalados: 01, 03 ou 88.

Como fazer a consulta do seguro desemprego no RJ

Quando o trabalhador tem o seu seguro desemprego autorizado, pode ser que ele precise consultar se a parcela já está disponível, o seu valor e outros dados. Essa consulta é feita assim:

  • Acessa-se este link do site da Caixa;
  • Coloca-se a senha cadastrada e o número do PIS/PASEP;
  • Para o trabalhador que ainda não está cadastrado na Caixa Econômica, basta selecionar “Cadastrar senha”. Fazendo isso, ele retornará ao primeiro link e poderá logar-se.

Como agendar seguro desemprego para RJ


Saque do seguro desemprego no Rio de Janeiro

Os trabalhadores beneficiados podem realizar os saques em muitos lugares, no caso de terem Cartão Cidadão; para estes, as opções são caixas eletrônicos, casas lotéricas e correspondentes Caixa.

Normalmente, também será necessário ter o documento de identidade. Quem não possui Cartão Cidadão pode fazer o saque levando o número PIS/PASEP e a carteira de trabalho a um guichê da Caixa.

É possível que as parcelas do seguro desemprego não sacadas se acumulem; todavia, os profissionais só poderão sacar os valores atrasados em até 67 dias, destacando-se que os saques aos sábados são permitidos nos terminais e nas lotéricas.

Como agendar seguro desemprego para RJ
5 (100%) 1 voto