Como agendar perícia médica INSS

Você precisa agendar pericia medica INSS? Confira os procedimentos e saiba como realizar o agendamento do jeito certo

A perícia médica é a maneira que o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) tem de atestar que o cidadão precisa de aposentadoria por invalidez ou de auxílio saúde.

Trata-se de um exame da própria pessoa (se for o caso) e dos laudos e receitas médicas que ela tenha, ocorrendo nas dependências do INSS.

Para passar por uma perícia, o contribuinte precisa fazer agendamento; entenda agora como.


Como fazer agendamento de perícia médica INSS pelo site MEU INSS

O site Meu INSS foi feito pela previdência social para que as solicitações de benefícios e de perícias fossem facilitadas.

Para agendar algo nessa plataforma, faça o seguinte:

  • Acesse https://meu.inss.gov.br/central/#/;
  • Clique em “Agende sua perícia”. Essa opção está na barra à esquerda e será preciso descê-la um pouco para ver;
  • Clique em “Agendar novo”;
  • Se um aviso surgir dizendo que a conexão não é particular, clique em “Avançado” e na opção “ir para o site Dataprev”;
  • Reproduza o código de segurança que a página apresentar;
  • Selecione o lugar onde quer fazer sua perícia médica e o dia;
  • Clique em “Avançar”.

Para quem já fez um agendamento de perícia no INSS, mas não pode comparecer, é só escolher “Agendar prorrogação” (a opção está abaixo de “Agendar novo”.

Faça o seguinte:

  • Coloque sua data de nascimento;
  • Forneça o número da solicitação (é o protocolo que o sistema da previdência fornece quando se dá entrada na solicitação de benefício);
  • Coloque seu CPF e seu nome completo;
  • Reproduza o código de segurança;
  • Selecione o lugar da perícia e o dia;
  • Clique em “Avançar”.

Como agendar perícia médica INSS


Agendar perícia médica no INSS pelo telefone

Além de utilizar o Meu INSS, como ensinado acima, o contribuinte poderá ligar para 135 para fazer o agendamento ou comparecer ao posto da previdência social na sua cidade.


O que acontece na perícia médica do INSS?

Por ser um procedimento obrigatório em caso de aposentadoria por invalidez e auxílio doença, muitas pessoas têm ligeiro medo da perícia por não saberem como ela funciona.

Basta pensar em uma consulta comum: o médico da previdência olhará toda a documentação daquela pessoa, conversará com ela para saber sobre a sua condição de vida e, se possível, fará um exame clínico.

Com essas informações, ele determina ao INSS se aquela pessoa está impedida de trabalhar. Para quem tem auxílio doença e pede a aposentadoria por invalidez, a tarefa do perito é atestar se aquele contribuinte pode se recuperar a longo prazo e voltar ao mercado de trabalho.


Quais são os documentos necessários para a perícia médica do INSS?

É importante levar os documentos pessoais e, especialmente, os documentos médicos, como os abaixo:

  • Receitas de medicamentos que estão sendo usados no momento;
  • Exames de imagem ou laboratoriais;
  • Laudo médico.

Todos esses documentos têm de ser recentes (entre dois ou três meses) e os exames laboratoriais são os mais importantes.

Muitas pessoas mostram o laudo médico acreditando que a opinião do profissional será suficiente para “convencer” o perito, o que não é verdade: os exames são as principais provas.

Pessoas com casos de problemas psiquiátricos dificilmente têm exames para apresentar. Para estes, o laudo é mesmo a maior ferramenta, junto às receitas.


Carta de Concessão da perícia médica do INSS

Geralmente, os peritos do INSS não dizem à pessoa se ela vai ter o seu benefício aprovado ou não: essa resposta é dada por eles diretamente à previdência social.

Em até um mês depois da perícia médica, o indivíduo recebe uma carta avisando se a aposentadoria por invalidez ou o auxílio doença será liberado: quando a resposta é positiva, chama-se carta de concessão.

O site Meu INSS permite que os cidadãos consultem se há uma carta de concessão para elas ou não.

É necessário acessar https://meu.inss.gov.br/central/#/ e descer até “Carta de concessão de benefício”. Entretanto, será necessário criar um login:

  • Clique em “Fazer login”;
  • A página a seguir terá um botão branco no qual estará escrito “Cadastre-se”. Clique nele;
  • Mais uma janela aparecerá e você deve clicar em “Cadastre-se” de novo;
  • Preencha o formulário da previdência e clique em “Próximo”.

Com esse login criado, vai-se ao menu e seleciona-se “Carta de concessão de benefício”.

No caso de a resposta ser negativa, é um direito do contribuinte fazer outra solicitação de perícia, mas é recomendado que os documentos mostrados sejam novos.

Como agendar perícia médica INSS


Como se comportar na perícia médica do INSS

Além de possuir os documentos que comprovem a condição de saúde, o contribuinte tem de ficar atento à sua postura na perícia, pois isso pode impedir o benefício de ser concedido.

Normalmente, os peritos desconfiam quando o cidadão quer convencê-los de que não podem trabalhar: isso significa ficar se lamentando ou contando detalhes sobre o dia a dia difícil.

As chances de receberem a aposentadoria por invalidez ou o auxílio doença são muito maiores para quem deixa os exames ilustrarem sua situação e respondem objetivamente às questões do perito.

Como agendar perícia médica INSS
As informações foram úteis para você? Deixe a sua opinião!